Beleza de Angola mais aberta ao mundo com abolição de vistos de entrada

A decisão do Governo angolano de eliminar os vistos de entrada a cidadãos de 97 países está a ser saudada como uma medida que poderá dar impulso ao turismo, mas ao mesmo tempo soam avisos de que ela tem que ser acompanhada de outras medidas.

Por: Coque Mukuta*

Há vários anos que a burocracia na concessão de vistos por parte das embaixadas angolanas é vista como um sério obstáculo ao desenvolvimento do turismo no país e a medida agora anunciada deverá desbloquear essa situação.

Ao abrigo de um decreto presidencial publicado nesta segunda-feira, 2, em Diário da República, os cidadãos provenientes de 97 países passam a estar isentos de visto de turismo por um período de até 30 dias por entrada e 90 dias por ano.

Entre os beneficiados estão cidadãos de Portugal, Brasil, Cabo Verde, Estados Unidos, Rússia e China.

Para o economista Horácio Rodrigues, a iniciativa é boa porque poderá atrair maior divisas para Angola, mas avisou da necessidade de “acompanhamento” dos etrangeiros que entram no país.

“(A medida) tem como principal risco a perca do controlo desses turistas que com o decorrer do tempo se tornam em imigrantes ilegais, passivos de cometer atos que colocam em risco a sociedade angolana tais como trafico de órgãos, intolerância religiosa e exploração ilegal dos recursos naturais”, disse.

Pedras da Tundavala, província da Huíla. (DR)

Já para o economista Nataniel Fernandes, a decisão vem responder aos desafios do surgimento do novo aeroporto Agostinho Neto, a ser inaugurado no próximo dia 10 de novembro, pelo qual Angola quer ser uma placa giratória para o turismo na África.

“Será melhor para o nosso país, para o turismo”, disse Fernandes que, contudo, fez notar que “um bom turismo precisa que o povo esteja preparado para receber bem o estrangeiro”.

“Para receber bem o estrangeiro é importante comunicar com esse estrangeiro, para comunicar bem, como a maioria do estrangeiro começa-se com a língua inglesa que devia ser uma parte importante para impulsionar o turismo”, acrescentou fazendo notar ainda a necessidade de se garantir no país “boa mesa e boa cama”.

Um alerta surge do jurista Manuel Cangundo, quem saudou a medida para atrair o investimento estrangeiro e que vai criar mais empregos, mas avisou para necessidade de se poder controlar de forma efetiva as actividades daqueles que vão passar a entrar no país sem vistos, pois isso “pode atrair elementos criminosos”.

*Voa

Compartilhar

1 thought on “Beleza de Angola mais aberta ao mundo com abolição de vistos de entrada”

  1. I’m extremely impressed with your writing abilities as well as
    with the structure to your weblog. Is that this a paid topic or did you
    customize it yourself? Anyway keep up the excellent high quality writing, it’s rare to look a nice blog like
    this one these days..

    Tradutor: Estou extremamente impressionado com suas habilidades de escrita, bem como
    com a estrutura do seu weblog. Este é um tópico pago ou você personalizá-lo você mesmo? De qualquer forma manter a excelente escrita de alta qualidade, é raro olhar num bom blog como este nos dias de hoje…

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *