Três irmãos morrem asfixiados no Andulo

Três irmãos morreram hoje por inalação de monóxido de carbono, no bairro Hospital, arredores da sede municipal do Andulo, província do Bié.

As vítimas estavam a cozinhar feijão num fogareiro à carvão, na noite de terça-feira, e acabaram por adormecer no interior de casa.

Trata-se de duas meninas de 13 e 15 anos e um bebé de apenas cinco meses.

Dentro da residência encontravam-se outros três irmãos, que estão em estado grave.

Os seis foram socorridos ainda com vida por vizinhos já na manhã desta quarta-feira, mas três acabaram por falecer já no hospital.

Em declarações à imprensa, o director do hospital municipal local, Januário Lopes, confirmou a morte por asfixia, causada pela inalação de monóxido de carbono.

Disse que as seis pessoas entraram em paragem cardiorespiratoria e três delas não ressistiram.

O chefe dos serviços de protecção civil e bombeiros do Andulo, Aroni João, alertou a população a abster-se da prática de passar as noites com fogareiro acesso, essencialmente nesta época chuvosa.

Compartilhar

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *